notícias / Esportes

Estados Unidos foram campeões da 1ª Global Cup PBR

Viola Show I Fonte: Cavalus 14/11/2017 11h49

Estados Unidos foram campeões da 1ª Global Cup PBR

Estados Unidos foram campeões da 1ª Global Cup PBR

Em frente a uma plateia lotada no Rogers Place, o Team USA correu por fora para vencer o PBR (Professional Bull Riders) Global Cup. As disputas da nova versão 'copa do mundo' de montaria em touros, lançada esse ano pela PBR, aconteceram em Edmonton, Alberta, no Canadá. Foi um torneio com cinco países, todos que compõem os filiados da entidade - Estados Unidos, Brasil, Canadá, México e Austrália -, com uma disputa em dois rounds. Cada país com sete integrantes, o Canadá, por ser anfitrião, com 14, e ainda um técnico para cada time.

Todos os competidores se apresentaram nas duas noites. Cada time teve ainda duas montarias bônus, onde o técnico escolheu qual atleta participaria. Ao final das duas rodadas, cada país pode descartar quatro notas e apresentar 14. Esse número valeu também para o Canadá, que mesmo com mais competidores, só teria 14 notas válidas para somatória, equilibrando a disputa. O negócio era parar nos touros, para ter lastro suficiente e somar o maior número de pontos possível.

A primeira noite teve vantagem do Canadá, com Estados Unidos em segundo e Brasil em terceiro. Ter duas equipes ajudou nessa arrancada inicial do time canadense. O Team Brasil teve cinco paradas no primeiro dia, um rendimento bem bacana. Na segunda noite, o Canadá acabou abrindo espaço, já que a maioria dos bull riders canadenses não suportaram os oito segundos em cima do touro.


Os time dos Estados Unidos começou a noite 76.25 pontos atrás do Team Canadá e somou 601.5 pontos, com sete paradas da nove possíveis, levando o troféu e US$400.000,00 de premiação em dinheiro. Ao final, somou 1026.75 pontos nos dois rounds. A equipe americana foi liderada pelo campeão mundial Justin McBride e teve como integrantes Cooper Davis, Cody Teel, Cole Melancon, Cody Nance, Derek Kolbaba, Brennon Eldred e Stormy Wing. Wing foi o campeão no individual e levou US$ 50.000,00.

Rubens Barbosa


O Brasil acabou ficando com o segundo lugar, 11 paradas de um total de 18 saídas, e ganhou US$87.500,00 para dividir entre os membros da equipe. Eles terminaram com 927.5 pontos. Tendo como coach Robson Palermo, a equipe brasileira teve Rubens Barbosa como destaque, parou em três touros que montou. Escolhido pelo técnico para montar no round bônus, o fenômeno José Vitor Leme fez quatro montarias, parando em duas delas. Marcando boas notas, ajudou a elevar a pontuação da equipe.

O Brasil foi representado ainda por Kaique Pacheco (que lesionou a virilha na primeira montaria e foi substituído por Silvano Alves), Eduardo Aparecido, Fabiano Vieira, João Ricardo Vieira e Guilherme Marchi. Canadá encerrou a participação em terceiro lugar, com Austrália em quarto e México em quinto.

A próxima etapa será em Sydney, Austrália, dias 9 e 10 de junho de 2018, no Qudos Bank Arena. A ideia é que passe por todas as cinco sedes. Então, brasileiros, preparem-se!