notícias / Música

Matheus e Kauan perdem processo milionário contra construtora

Movimento Country 06/07/2022 14h55

Matheus e Kauan perdem processo milionário contra construtora

Matheus e Kauan, que começaram 2022 entre as 10 músicas sertanejas mais tocadas nas rádios do Brasil, foram surpreendidos com uma decisão da Justiça no início do mês passado.

No ano passado, uma famosa construtora resolveu contratar a dupla sertaneja Matheus e Kauan para fazerem um publieditorial em seu Instagram. O contrato, que o Movimento Country teve acesso com exclusividade, constatava que a dupla faria uma postagem a cada 90 dias em suas redes sociais, pelo prazo de 36 meses, o que resultaria em uma quantidade de 24 postagens para impulsionar a marca da empresa.

Em troca destes serviços, a dupla receberia alguns imóveis na região do Guarujá, litoral paulista. No entanto, os cantores sertanejos entraram na Justiça contra a construtora pedindo uma indenização por quebra de contrato no valor de R$1.7 milhão.

Mas, de acordo com a matéria da jornalista Fábia Oliveira, publicada no mês passado, a construtora argumentou que houve situações que a relação de confiança entre eles havia acabado, estando no direito de romper por justa causa, e encerrar o "contrato de permuta e patrocínio de uso de nome e imagem".

À Justiça, a construtora afirma que Kauan teria realizado paralelamente um outro negócio. Ele comprou um Mercedes Benz da construtora, no valor de R$ 250 mil, e pagou com cinco cheques em nome de terceiros, que não tinham fundos. O caso foi parar na delegacia.

Somente após um boletim de ocorrência, a dívida teria sido acertada pelo sertanejo, mas aí já não havia mais relação de confiança entre eles. "Somente após a lavratura do Boletim de Ocorrência é que os cheques foram pagos pelo apelante, se essa medida não fosse tomada, quiçá o apelado não tinha recebido até a presente data", revela um trecho do processo.

A juíza considerou improcedente o pedido da dupla Matheus e Kauan, que foram condenados a pagar R$ 204 mil, sob pena de ser acrescida da multa de 10% e honorários de 10% . Os sertanejos propuserem o parcelamento da dívida em 5 vezes após derrota na Justiça.