notícias / Agronegócio

AGRONEGÓCIO - CONHEÇA ALGUMAS CARREIRAS DESSE RAMO

Rodeo West 30/09/2020 10h45

AGRONEGÓCIO - CONHEÇA ALGUMAS CARREIRAS DESSE RAMO

Agronegócio: quais são as carreiras profissionais mais promissoras?

Para quem deseja trabalhar no estável setor do agronegócio,vamos apresentar algumas das carreiras com mais potencial de crescimento para os próximos anos. Conhecer os pormenores de cada profissão contribuirá para uma escolha mais assertiva para o seu futuro, afinal, fazer algo de que se gosta é essencial. 

1 - Médico veterinário

Um profissional que possui um amplo leque de oportunidades no setor do agronegócio. Pode atuar no acompanhamento médico de animais de criação, na reprodução do rebanho ou, até mesmo, na indústria alimentícia que se baseia na produção de alimentos de origem animal. Outra possibilidade é trabalhar na área comercial de empresas de produtos agropecuários. 

2 - Técnico em agropecuária

No agronegócio, os profissionais de formação técnica são bastante valorizados pelo entendimento da relevância do saber fazer para o bom andamento de uma fazenda. O objetivo dessa formação de nível médio é qualificar o profissional para realizar atividades do dia a dia de uma propriedade rural com conhecimento técnico. 

A união de competências teórico-práticas com boa capacidade de relacionamento interpessoal faz toda a diferença no campo. Profissionais técnicos têm oportunidades reais de crescimento e de boa remuneração atuando no campo. 

3 - Zootecnista

O profissional formado em zootecnia trabalha em toda a cadeia produtiva animal com o objetivo de potencializar a rentabilidade do empreendimento. Cabe ao zootecnista encontrar soluções que melhorem a qualidade e o volume da produção de ovos, carnes, leite e seus derivados. 

Pode trabalhar na indústria de alimentos de origem animal, como laticínios e embutidos. Outro importante setor de atuação do zootecnista é o de melhoramento genético dos animais da pecuária. 

4 - Agrônomo

Um profissional bastante necessário no contexto geral do agronegócio, pois pode ter uma atuação essencial para o aumento da produtividade de plantações e controle de pragas, assim como contribuir para a estruturação de gestão e comercialização de propriedades rurais. Agrônomos também se destacam no desenvolvimento e aplicação de tecnologia no campo, profissionais voltados para esse foco de atuação terão cada vez mais participação no mercado. 

5 - Desenvolvedores de softwares e aplicativos para o agronegócio

Novidades no mundo country, em especial direcionadas à otimização da produção agrícola e pecuária, são sempre muito bem-vindas. Desenvolvedores de softwares e aplicativos que focarem em criar ferramentas que facilitem o dia a dia dos gestores de fazenda e corroborem para o aumento da produtividade têm grandes chances de ter um bom faturamento. 

O profissional que possui também alguma formação ligada ao agronegócio tem mais facilidades para entender as demandas desse segmento, criando soluções pertinentes. Caso você já trabalhe com programação e deseje atuar na criação desse tipo de ferramentas, sugerimos um estudo a respeito de suas necessidades.

6 - Gerente de fazenda

No agronegócio, é fundamental entender de agricultura e pecuária, mas, sobretudo, de gerenciamento de negócios, afinal, as propriedades rurais funcionam (ou deveriam) como empresas. Esse profissional atua no gerenciamento das atividades técnicas da fazenda, mas também no controle de gestão do empreendimento.

Em alguns casos, o gerente da fazenda assume também a função de controller (gerente das atividades financeiras). Para assumir um cargo que demanda múltiplas responsabilidades e conhecimento, esse profissional deve ter uma formação sólida em uma área relevante para o campo, como agronomia ou zooctenia, e uma pós-graduação ou outra graduação na área de negócios. 

7 - Coordenador técnico

Um profissional com formação focada no desenvolvimento de alguma atividade específica para o bom funcionamento da fazenda. É possível contar com um coordenador técnico de irrigação, monitoramento de pragas, tratos culturais, tratamento de pragas, entre outros. 

Tudo depende das atividades desempenhadas na propriedade e nas necessidades de mais assertividade e controle de cada setor. Além de conhecimento técnico de sua área, é importante que esse profissional tenha noções de gestão para atuar em parceria com o gerente da fazenda, bem como seja um bom líder para os demais colaboradores. 

8 - Técnico em agronegócio

Uma alternativa para propriedades de menor porte e/ou com menos recursos é contar com um técnico em agronegócio para fazer o gerenciamento da propriedade. A formação técnica nessa área prepara o profissional para resolver questões gerenciais do dia a dia do negócio. 

O principal objetivo de quem trabalha no setor é desenvolver o empreendimento por meio do uso de técnicas de gerenciamento e comercialização. Dentre suas atividades estão planejar e executar atividades pertinentes para a otimização do trabalho na propriedade rural. 

Gostou de alguma dessas carreiras do agronegócio? Buscar qualificação é o primeiro passo para ser bem-sucedido!