Viola Show

O seu mundo sertanejo é aqui!

seja bem-vindo, faça seu ou cadastre-se

notícias / Cultura

QUAIS SÃO AS MODALIDADES DE RODEIO

Rodeo West 04/09/2020 16h53

QUAIS SÃO AS MODALIDADES DE RODEIO

Conhecendo as modalidades de rodeio

Você tem curiosidade de saber mais sobre as modalidades que são disputadas num rodeio? Então, continue lendo e entenda melhor do que se trata cada uma delas.

Modalidade: Montaria em touro

A modalidade mais famosa e apreciada do rodeio consiste em se manter por 8 segundos em cima de um touro bravo. O peão deve segurar a corda americana que é presa ao corpo do animal apenas com uma mão. A outra mão não pode tocar em nada, deve ser usada somente para auxiliar no equilíbrio.

Após a abertura do brete, o peão deve permanecer em cima do touro por 8 segundos sendo avaliado por dois juízes|: um juiz dá uma nota de 0 a 50 para o desempenho do peão; e o outro juiz avalia o nível de dificuldade imposto pelo touro que também vai de 0 a 50. A soma das duas notas dá a nota final do cowboy, uma nota de 0 a 100.

Modalidade: Três Tambores

Essa é a modalidade de que participam as cowgirls e consiste em realizar um percurso dentro da arena contornando três tambores que são dispostos em forma triangular do lado oposto ao da largada na arena. A amazona participante dessa modalidade deve passar pelos três tambores no menor tempo possível, assim que ela passa pela linha da largada o cronômetro é automaticamente acionado. Cada tambor que é derrubado soma mais 5 segundos ao tempo da competidora.

Modalidade: Team Penning

Os competidores disputam essa modalidade em trios, geralmente as pessoas são da mesma família. Numa das extremidades da arena há um curral e na outra um espaço em que são soltos 30 animais. Os animais são divididos em grupos de três, cada grupo recebe um número. No momento da disputa, um número é sorteado e os competidores devem reunir os três animais da numeração sorteada e levá-los para o curral. O tempo para realizar esse objetivo é de 60 segundos para cada trio. Se mais de três animais cruzarem a linha imaginária do curral, a prova é considerada em aproveitamento técnico.

Modalidade: Sela americana

Uma modalidade semelhante à de montaria em touro, mas que é realizada com cavalos. Quando o cavalo adentra a arena é necessário que o peão realize o movimento conhecido como mark-out que nada mais é do que posicionar as esporas na altura do pescoço do cavalo e então puxá-las para trás. O animal dará saltos e o peão deve permanecer em cima do mesmo por 8 segundos. No caso de descumprir as regras, o cavaleiro é desclassificado, a sua nota varia de 0 a 100.

Modalidade: Cutiano

Bem semelhante à sela americana, nessa modalidade o peão deve segurar a rédea usando uma das mãos e deixar a outra livre sem tocar em nada. Assim que o cavalo sai do brete, o peão deve posicionar as suas esporas na altura do pescoço dele e puxá-las para trás, devendo permaner sobre ele por 8 segundos. Quanto mais tempo o peão se mantiver sobre o cavalo, melhor.

Modalidade: Mala de louco

O nome curioso dessa modalidade se deve ao fato de que os competidores participam fantasiados. A mecânica da competição é relativamente simples, um tambor é posicionado na arena, cerca de 60 metros do ponto de largada. Os competidores participam em duplas sendo que um dos cowboys deve iniciar montado num cavalo contornando o tambor.

O outro cowboy deve montar no cavalo da sua dupla no momento em que o tambor é contornado. O objetivo é montar no cavalo do parceiro no menor tempo possível. Derrubar o tambor ou não conseguir montar em 10 metros acarreta na desclassificação.

Modalidade: Bareback

O competidor dessa modalidade fica praticamente deitado sobre o cavalo. O peão deve montar diretamente no dorso do cavalo e na região da cernelha é adicionada uma alça de couro com o nome de bareback. O participante então deve puxar suas esporas no sentido do bareback, permanecendo sobre o cavalo por 8 segundos e então recebendo uma nota de 0 a 100.

Modalidade: Team Roping

Uma modalidade competitiva em que cowboys e cowgirls podem competir juntos. A disputa acontece entre duplas e o objetivo é laçar e imobilizar um bezerro. A dupla é liberada junto com o bezerro e um dos competidores deve laçar a cabeça do animal. Após isso ter sido feito é o momento em que o outro componente da dupla deve laçar as pernas do bezerro. Assim que o animal é imobilizado, o cronômetro para de contar.