notícias / Eventos

Mais de 20 anos depois a 'melhor noite' da PBR anima fãs

Viola Show 09/04/2020 14h46

Mais de 20 anos depois a 'melhor noite' da PBR anima fãs

Um dos personagens dessa 'noite mágica' reviveu todas as emoções na re-exibição postada no Facebook da PBR

Com a finalidade de entreter os milhares de apaixonados por rodeio e fãs da PBR em todo o mundo, a entidade promoveu uma noite para lá de especial. Publicou em sua página no Facebook a segunda rodada da final mundial de 1999, chamada até hoje de 'Greatest Night of Bull Riding', ou seja, 'A Melhor Noite da Montaria em Touros'.

Certamente, uma das melhores coisas dessa quarentena tem sido o poder de superação das empresas. Para manter seus fãs ativos e engajados, campeonatos e associações estão usando bastante as redes sociais para fazer retrospectivas. Sobretudo, estão resgatando momentos históricos de suas trajetórias.

Nesta noite em questão, foram marcadas oito notas a casa dos 90 pontos, incluindo a segunda e a terceira maiores notas da história na época, hoje, terceira e quarta maiores notas da PBR. Para Ty Murray, uma noite e tanto. Ele, que acabou sagrando-se campeão da etapa final naquele ano, teve um encontro mágico com Red Wolf.

Valendo pelo segundo round marcou 95,5 pontos no Thomas and Mack Center. O único problema para ele foi que Chris Shivers e Terry Don West entraram na arena depois e marcaram mais ainda. Emparatam em 96 pontos em suas montarias, vencendo a rodada, respectivamente em Trick or Treat e Promise Land.

"Foi uma noite tão divertida. Esse é o tipo de coisa boa que passamos nessa nossa profissão. Querendo se divertir com todos esses grandes touros e ver seus amigos se saindo tão bem", contou Murray a Justin Felisko em entrevista via Skype.

E o melhor de tudo, você pode assistir o round todo na íntegra:

'Greatest Night of Bull Riding'

Além de Chris Shivers e Terry Don West, 96 pontos em Trick or Treat e Promise Land, e Ty Murray e Red Wolf para 95 pontos., ainda marcaram notas que deixaram essa noite na memória de todos os fãs do esporte: Jaron Nunnemaker e Jim Sharp, 94 pontos em Panhandle Slim e Jim Jam; Cody Hart, 92.5 pontos em Copenhagen Zandy; Justin McBride e Mike White, 91 pontos em Nitro e Skat Kat Skoal.

"Cara, essa é definitivamente uma noite que não esquecerei. E acho que nenhum dos outros caras envolvidos naquela noite esquecerá", disse Murray, que superou um dos melhores touros daquela época e da história da PBR acima de tudo. Os dois se encontraram por cinco vezes, com quatro paradas de Murray e uma vez que Red Wolf o derrubou.

A saber, no ranking da PBR das melhores notas, hoje a maior de todas 96.5 pontos marcadas quatro vezes; em seguida, 96 pontos, seis vezes; 95.75 pontos, duas vezes; e 95.5 pontos, dez vezes.

Fonte e Fotos: PBR
Tradução e adaptação: Luciana Omena